Visitas on line

Tradutor:

domingo, 25 de novembro de 2012

Estar consciente!




“Eu escrevo para entender melhor o mundo. E acho que escrevendo a gente entende mais um pouquinho do que não escrevendo”.

“ E na hora de escrever que muitas vezes fico consciente  de coisas das quais,sendo inconsciente , eu antes não sabia que sabia”
                                                                Clarice Lispector 

Quisera que este  pensamento fosse meu,pois é exatamente o que penso. O ato de escrever nos leva à consciência da inconsciência. 

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Que saudades de escrever!



      Faz tempo que não paro para escrever !Sinto saudades, mas nunca encontro tempo. Os textos sempre ficam incompletos  esperando para serem publicados. Gosto de escrever, mas tenho consciência que não sou nenhuma escritora. Gosto,  porque reflito, organizo as as ideias  e me  descubro. Tudo é um exercício apesar de nunca ficar  satisfeita,sempre quero melhorar!. 
    Quantos textos comecei, mas não terminei. Quantos fatos, assuntos, gostaria de ter comentado, exposto, opinado, mas me omiti.Outros afazeres tomaram  a frente, e o texto ficou relegado a um segundo plano. A vida passa, e nós o tempo todo deixamos de senti-la porque vivemos no  automático.Não quero isso pra mim, prometi que não  guardarei mais minhas ideias, sejam elas importantes ou não.Prometi que mesmo que seja uma frase vou compartilhá-la.
   Enquanto ler alimenta a alma, escrever  sacia. 

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Compartilhando e-mails interessantes

Recebi este e-mail e resolvi compartilhá-lo por causa da utilidade dele.Quantos não sofrem de dor de cabeça e vivem tomando remédios. Vejam  que interessante.  




" PRANAYAM "
O nariz tem um lado direito e um esquerdo; usamos ambos para inspirar e expirar.
Na verdade eles são diferentes: o direito representa o Sol, o esquerdo, a Lua.
Durante uma dor de cabeça, tente fechar a narina direita e usar a esquerda para respirar.
Dentro de cerca de cinco minutos a dor de cabeça deve ir embora.
Se você se sente cansado, faça o contrário: feche a narina esquerda e respire pela direita. Num instante sentirá sua mente aliviada.
O lado direito pertence ao "quente" (Sol) por isso esquenta rapidamente, o esquerdo pertence ao "frio"(Lua).
A maioria dos homens respira pela narina direita e isso os influencia.
Repare no momento em que você acorda, qual dos lados respira melhor ou mais? Direito ou esquerdo?
Se for o esquerdo você se sentirá cansado.
Então, feche a narina esquerda e use a direita para respirar, você se sentirá aliviado rapidamente.
Isso pode e deve ser ensinado às crianças, mas é mais efetivo quando praticado por adultos.
Meu amigo costumava ter fortes dores de cabeça e sempre ia ao médico.
Houve um tempo em que sofri

a de dores de cabeça literalmente todas as noites, ficando incapacitado para estudar.
Ele tomava analgésicos , mas não funcionavam.
Ele decidiu tentar esta terapia de respiração: fechava a narina direita e respirava pela esquerda.
Em menos de uma semana sua dor de cabeça foi-se. Continuou o exercício por um mês.
Essa terapia alternativa natural, sem medicamentos, é algo em que ele tem experiência.
Então, por que não tentar? Namastê!



domingo, 13 de maio de 2012

HOMENAGEM ÀS MÃES,INCLUSIVE A MINHA

     


      Quando as nossas mães partem nos sentimos órfãos.Não importa a idade, o sentimento é o mesmo. 
      Lembro-me do dia em que a minha se foi, e quando chegamos em casa,depois de ter cumprido a última etapa, de uma série de sofrimentos, estávamos exauridos, e imensamente tristes. Havíamos deixado nossa mãe, no lugar que menos queríamos, mas não havia como!Estávamos reunidos na sala,lugar  onde  vivenciamos tantos  momentos juntos, mas aquele era o mais triste.  Ainda hoje, me recordo quando minha irmã disse:"ESTAMOS ÓRFÃOS!".Era exatamente isso,tínhamos ficado órfãos.Aquela sensação de orfandade era palpável,ninguém conseguia externar um outro sentimento,que não fosse abandono.Cada coração ali alojava a orfandade sob todos os aspectos, desamparo,ausência,medo,abandono, etc. 
       Uma outra etapa viria, sabíamos,era só questão de tempo para acostumarmos com a ausência daquela que tinha sido "PRESENTE".
     Mas como ela mesma dizia : "o tempo cura tudo" Ainda hoje nos lembramos dela, mas com uma saudades acolhedora,suave e eterna.Saudades que não dói tanto, é  um misto de  esperança e  confiança que um dia ainda estaremos juntas novamente.
        A homenagem aqui  foi a forma que encontrei para externar o sentimento de orfandade que muitos filhos, independente da idade  têm quando veem partir  a mãe  QUE TANTO AMOU E QUE AGORA ESTÁ AUSENTE.
        Parabéns a todas, às presentes e às ausentes!!!!!!
"Súplica de um órfão", na voz de Divaldo Pereira Franco.
  






sábado, 14 de abril de 2012

Um dia para Glorinha







          hope rios susan art
       Também resolvi participar da homenagem a nossa blogueira que partiu. Deixo aqui uma poesia,  de Flora Figueiredo tirada da obra Chão de Vento, para quem muito gostava das letras. A minha homenagem é singela mas é de coração.
     Tenham  certeza que a nossa amiga virtual já encontrou, não só o seu pingo de luz como o novo amanhecer.



Como nascem as manhãs

O fundo dos olhos da noite 
guarda silêncios.
Esconde na retina 
a menina que corre descalça em campo aberto.
Pálpebras cerradas, a noite emudece.
A  menina com medo 
faz um furo no escuro com a ponta do dedo.
Cai um pingo de luz 
Amanhece.


Flora Figueiredo-
Chão de Vento

VISITA AO MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA PARA CONHECER "GUERRA E PAZ" OBRA DE PORTINARI






         No sábado passado aproveitei o feriadão para  conhecer os painéis  que Portinari  fez  entre 1952 e 1956. Foram os seus últimos e maiores murais, que leva o  nome de "Guerra e Paz" (14m de alt. por 10m de larg. aprox.). 
        Os  painéis foram encomendados pelo governo brasileiro para presentear a ONU em   Nova York.Como eles ficam em lugar restrito, o público  que visita a ONU não tem acesso,  portanto  não pode vê-los.
      A reforma da ONU fez com que o Brasil pensasse em uma forma de apresentá-los aos brasileiros, e ao mundo.Para tanto, entrou com um projeto de restauração em ateliê aberto, agora  eles estão em São Paulo, depois  serão expostos em outros lugares.
      É uma obra  ímpar, vale a pena  ir vê-los, a entrada é franca.
    Além do mais, o acervo não se restringe apenas aos murais, também estão expostos todos os estudos  que o pintor fez antes de pintar, e  que hoje pertencem à colecionadores particulares. 
     Para  quem gosta de arte aí está a grande oportunidade.
   Não há como definir Portinari uma vez que é um pintor consagrado, elogiado entre outros, é mais que um pintor , é  cúmplice da paz e inimigo da guerra. Com cores vibrantes nos transporta para um mundo de imagens chocantes,denunciando os horrores da guerra em contraposição, a conquista da paz.
    Cada fragmento,cada expressão  é pura emoção como só Portinari sabia fazê-lo. A arte é  a mais sublime forma de expressão, expande a alma.
     Somos brasileiros, e  como todos,queremos a Paz, portanto devemos isso a Portinari.
       Se você quiser saber mais é só acessar : http://www.guerraepaz.org.br/#/historia


sexta-feira, 2 de março de 2012

Para refletir ...





                                           Rose Beauty"20" x 18"Limited Edition on Canvas


Faze o bem  a ti mesmo, na pessoa  dos outros
"Escuta,ó homem, esta grande verdade: todo mal que aos outros fazes,duplamente fazes a ti mesmo.
Para os outros é um mal periférico- para ti mesmo é um mal central.
Para quem sofre é um mal extrínseco- para quem pratica é um mal intrínseco.
Ninguém pode fazer mal ao próximo sem primeiro fazer mal a si mesmo.
Não pode deixar de ser mau quem o mal produz- mas pode ser bom quem sofre o mal.
"Não pode árvore má produzir frutos bons-nem pode a árvore boa produzir frutos maus"
O efeito do  mal é transitório no objeto que o sofre - mas é permanente  no sujeito que o produz " 
Não digas: " Fiz mal,arrependi-me, e é tudo como dantes"
-ilusão funesta! (...)

fragmento da obra: De alma para alma 
                             Huberto Rohden 
                             Editora - Martin Claret 

quinta-feira, 1 de março de 2012

"Toda oferta, pode ofertar grandes problemas ...


       Ao comprar pela internet todo cuidado é pouco, pois podemos ser vítimas de sites que vendem, recebem, mas não entregam o produto, ou quando entregam, não é exatamente o que compramos.
     Vejam o que aconteceu com minha amiga quando resolveu me dar de presente de Natal o livro:



        Há algum tempo tinha assistido no programa "Mulheres" a doutora Irvêrnia  falar sobre o livro dela" A questão espiritual  dos animais." Achou interessante e resolveu me dar de presente. Começou a procurar nas livrarias, como não  conseguiu encontrá-lo apelou para a internet, acabou  comprando no "Todaoferta."Ao comprá-lo vieram os problemas.A compra ocorreu no dia  26/12 e  disseram que o receberia em 3/1. Em 14/1 o livro ainda não havia chegado.Fez o que todo mundo faz, mandou um e-mail comunicando o atraso. Pediram que cancelasse o pedido que receberia o  dinheiro de volta. É claro que não recebeu. Outros e-mails foram enviados, tentou ligar várias vezes, tentou falar com o vendedor, tentou tudo foi possível e impossível. Como não tomavam providências e só enrolavam, resolveu procurar o PROCON.O site recebeu  a notificação do Procon, daí enviou o livro.
      Para surpresa da minha amiga, o livro que mandaram já era usado, tinha coisas escritas, o nome da pessoa e até a nota fiscal  do Sebo onde compraram. Minha amiga voltou  no Procon com o livro a tiracolo. Para sua surpresa, foi orientada a ficar com o livro senão ainda correria o risco de ficar sem nada. Que país esse, que você compra, paga e não recebe, ou se recebe, não foi o que comprou? Para que o site não continue lesando as pessoas ela  foi orientada pelo próprio Procon a processá-los.
      As pessoas quando lesadas em compras virtuais costumam apenas reclamar também virtualmente, mas a minha amiga procedeu de forma diferenciada.Não deixou barato,procurou os seus direitos. Se todos os lesados fizessem o mesmo talvez esses sites não sobreviveriam e não prejudicariam tantas pessoas.
          Antes de fazer uma compra virtual  o ideal seria buscar na internet informações sobre o site,ou como se deve proceder para não ter maiores problemas. O PROCON orienta sobre os procedimentos que devem ser tomados antes da compra, e se for  lesado o que deve ser feito. Vale a "perder" um tempo e ler as informações para não ter dor de cabeça depois. Aqui fica o alerta:


Que cuidados devem ser observados antes da contratação de produto ou serviço pela internet?É importante observar os procedimentos e recursos adotados para garantir a segurança e a confidencialidade da transação eletrônica e de seus dados (pessoais, de consumo, financeiros).

Busque referências sobre o site que pretende contratar. A escolha criteriosa do fornecedor não despende tempo e pode ser decisiva para garantir que suas expectativas sejam atendidas, sobretudo que a solução de eventuais conflitos ocorra de forma cômoda, prática e rápida.

Anote dados que permitam identificar e localizar a sede do fornecedor (como CNPJ e endereço físico). Caso seja necessário formalizar reclamação junto ao órgão de defesa do consumidor ou recorrer ao Poder Judiciário, você precisará fornecê-los.

Confira todas as informações sobre o produto ou serviço ofertado, especialmente características, preços, valores de fretes, despesas adicionais, prazo de entrega ou execução, condições de pagamento. Certifique-se que o produto seja acompanhado do manual de instruções em português. Na compra de produto, avalie se o custo total compensa a comodidade da contratação à distância.........Se quiser saber mais clique aqui:



 

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Elizabeth Bishop


                                                             


A arte de perder 

A arte de perder não é nenhum mistério
tantas coisas contém em si o acidente
de perdê-las, que perder não é nada sério.
Perca um pouco a cada dia. Aceite austero,
a chave perdida, a hora gasta bestamente.
A arte de perder não é nenhum mistério.
Depois perca mais rápido, com mais critério:
lugares, nomes, a escala subsequente
da viagem não feita. Nada disso é sério.
Perdi o relógio de mamãe. Ah! E nem quero
lembrar a perda de três casas excelentes.
A arte de perder não é nenhum mistério.
Perdi duas cidades lindas. Um império
que era meu, dois rios, e mais um continente.
Tenho saudade deles. Mas não é nada sério.
Mesmo perder você ( a voz, o ar etéreo, que eu amo)
não muda nada. Pois é evidente
que a arte de perder não chega a ser um mistério
por muito que pareça (escreve) muito sério. 
Related Posts with Thumbnails