Visitas on line

Tradutor:

quinta-feira, 29 de julho de 2010

"Começou o fim das touradas "


       Catalunha proíbe tourada.Com 68 votos a favor e 55 contra, a lei deve entrar em vigor em janeiro de 2012. Até lá os touros  continuarão sendo massacrados nas praças catalãs e tomara que muitos chifres de touros entre por guela abaixo desses toureiros abobalhados com pose de moranguinho.  

       Portugal, Equador,Colômbia, França, México, Peru e Venezuela, que tem tradição taurina, ficaram preocupados com a decisão de Cataluña.
     Os  defensores  das touradas consideram as corridas de touros uma  manifestação artística tradicional.Bem se vê  que a barbárie com os touros só é artisticas na cabeça desses idiotas que não tem sensibilidade nenhuma e desconhecem o que realmente seja  arte. Quanto à tradição, que vá às favas, pois um povo sensível e que se presa, não  tem como lazer  espetáculos de crueldade.
Viva Cataluña,viva el touro!
  
                 “Essa é a vitória da dignidade sobre a crueldade”  palavras de Brigitte Bardott, uma  das maiores defensoras dos animais.

                                        
                                                                              
                          

terça-feira, 27 de julho de 2010

Um passeio interessante..

VISITE O TEMPLO ZU LAI        
       Se você não tiver um programa para o final de semana,aproveite para visitar o Templo Zu Lai. É o maior templo budista da América Latina, fica perto de Cotia, um pouco depois do km 28 da Raposo Tavares. É o lugar ideal para passear, curtir a natureza, fazer meditação, assistir a um ceriomnial ou até mesmo fazer um curso.
   Se você for aos domingos, eles têm um restaurante que serve almoço vegetariano.Também tem uma bela lanchonete e uma lojinha que vende souvenir.
          O templo é exuberante, fica no centro do parque e é todo rodeado por belos jardins.  Tem um lago, e um amplo estacionamento para receber os visitantes que vem de todos os lugares e pertecem às diversas religiões. Se você chegar a tempo, dá até para assistir um cerimonial budista. O lugar é lindo,vale a pena conhecer, inclusive para aqueles que moram na agitada São Paulo e querem fugir do estress. 
         Estive lá no domingo e adorei. Só que é importante atentar para alguns detalhes, pois eles pedem muito respeito, então  é bom:
-evitar decotes, roupas curtas, shorts e bermudas
-cultivar o silêncio
-não fumar
- não pegar nada que não lhe tenha sido oferecido
-não levar  animais
- e também não se permite a realização de piquenique em qualquer área, ou entrar com itens como:  como carnes, seus derivados e bebidas alcoólicas.
   Fica aqui a sugestão.Caso resolva,bom passeio! Desfrute da paz e harmonia que o parque oferece  e seja grato a todos que colaboraram para que isso acontecesse.

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Um sonho realizado

           
Maria Clara nos conta como nasceu "Carta dos Anjos"

              Eu sonhava ser ilustradora de livros infantis. Fiz alguns projetos mas não busquei os caminhos certos, naquele momento.
         Sempre pintei muito em telas, papéis e também gosto muito de aquarela e colagem além da tinta acrílica. Tenho pilhas de papéis e quadros prontos.
          Fiz algumas exposições, vendi alguns trabalhos, mas o meu desejo era ter um livro do meu trabalho, onde um maior número de pessoas pudessem ter acesso.
          Cartas dos Anjos começou em 2002 quando intuitivamente fiz o Anjo Guardião, a carta I, depois fiz o Anjo da Paz. Comecei então a pensar em fazer uma releitura dos anjos dos grandes Mestres da pintura, foi quando surgiu o estudo para o Anjo Egípcio.
          Para cada estudo que eu fazia, começaram a surgir anjos com características próprias e eu passei a respeitar esse meu processo intuitivo.
          Durante as pinturas eu sentia suas mensagens, algumas eu registrei no momento da pintura e outras eu mesma escrevi quando fiz a pesquisa sobre simbologia.
          Em 2007 começaram a nascer os símbolos, pois cada anjo traz um símbolo.
         Em 2008 eu fiz uma exposição na FAINC só para mostrar esse trabalho que são telas de 20 x 20 cm que eu cuidadosamente acoplei a um outro projeto artístico que num futuro bem próximo se tornará um outro livro.






terça-feira, 20 de julho de 2010

HOJE É DIA DO AMIGO

Susan Rios

Nada mais linda que essa poesia para homenagear  a todos os amigos(as) do coração.


Se eu morrer antes de você

Se eu morrer antes de você, faça-me um favor:
Chore o quanto quiser,
Mas não brigue com Deus por Ele haver me levado
Se não quiser chorar, não chore
Se não conseguir chorar, não se preocupe
Se tiver vontade de rir, ria.
Se alguns amigos , contarem algum fato a meu respeito
Ouça e acrescente sua versão.
Se me elogiarem demais, corrija o exagero
Se me criticarem demais, defenda-me
Se me quiserem fazer um santo, só porque morri
Mostre que eu tinha um pouco de santo,
Mas estava longe de ser o santo que me pintam
Se me quiserem fazer um demônio,
Mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio.
Mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo .
Espero estar com Ele o suficiente
Para continuar sendo útil a você, lá onde estiver.
E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim,
Diga apenas uma frase:
Foi meu amigo , acreditou em mim e me quis mais perto de Deus!
Aí então derrame uma lágrima.
Eu não estarei presente para enxugá-la mas não faz mal.
Outros amigos farão isso no meu lugar
E, vendo-me bem substituído,
Irei cuidar de minha nova tarefa onde estiver
Mas, de vez em quando,
De uma espiadinha na direção de Deus.
Você não me verá,
Mas eu ficaria muito feliz vendo você olhar para Ele
E, quando chegar a sua vez de ir para o Pai
Aí, sem nenhum véu a separar a gente,
Vamos viver, em Deus, a amizade
Que aqui nos preparou para Ele.
Você acredita nessas coisas ?
Então ore para que nós vivamos
Como quem sabe que vai morrer um dia,
E que morramos como quem soube viver direito.
Amizade só faz sentido
Se traz o céu para mais perto da gente,
E se inaugura aqui mesmo o seu começo.
Mas, se eu morrer antes de você,
Acho que não vou estranhar o céu...
Ser seu amigo... já é um pedaço dele.

                                         (Chico Xavier)

sábado, 17 de julho de 2010

FÉRIAS! "Qui dilícia!"



                
       
          Todo mundo que trabalha merece! Só de saber que segunda feira é férias,tudo se renova. Férias para fazer as mesmas coisas, de forma diferente, sem aquele compromisso, aquela obrigação.Descansar, ler, ver filmes, passear, e o melhor, ir às compras, para viajar. Hoje começamos, digo começamos, porque eu e minhas amigas resolvemos ir às compras começando pelo Brás. 

        Quem não conhece o Brás? Todo mundo conhece! Pelo menos de nome. Eta dilícia!,como diz a minha amiga. Para começar resolvemos ir de ônibus, pois carro era complicado demais para nós. E como faz muito tempo que não ando de ônibus ou trem, foi uma maratona. Logo de cara perdemos a amiga, que acabou tomando o ônibus errado, mas no fim deu tudo certo. Brás a vista.... entra em loja, sai de loja, procura isso, vê aquilo, compra não compra e acaba comprando, comprando, comprando.... tudo que precisa e mais um pouco, que não precisa.
            O retorno, melhor ainda, sacolas e mais sacolas. Tudo o que há de bom. Só uma coisa é triste, saber que o conforto do carro nos distancia das pessoas, perdemos o contato com os fragmentos de vidas que aguçam nossa curiosidade e imaginação para  finalizar as histórias que ouvimos no ônibus, no trem, na calçada, na rua, em todos os cantos. Todo mundo seguindo caminhos diferentes, mas o objetivo sempre é o mesmo. Ser feliz. Comprando ou não! Ser feliz com férias ou sem ela! O  que conta é ser feliz sempre!!!.


segunda-feira, 12 de julho de 2010

"Discurso do publicitário Nizan Guanaes como paraninfo de uma turma de faculdade"


Este discurso também  foi postado pela Elsy no blog Momentos. Gostei tanto que resolvi postá-lo aqui. Todos deveriam conhecê-lo, digo, o discurso e o autor dele. Pelo conteúdo dá para perceber porque é um homem de sucesso e quais  são os seus valores na vida. Tomei a liberdade de ressaltar as partes que mais gostei, não menosprezando as demais, pois no todo é excelente. 
Dizem que conselho só se dá a quem pede. E, se vocês me convidaram para paraninfo, estou tentado acreditar que tenho sua licença para dar alguns.Portanto, apesar da minha pouca autoridade para dar conselhos a quem quer que seja, aqui vão alguns, que julgo valiosos.

Não paute sua vida nem sua carreira pelo dinheiro.Ame seu ofício com todo o coração.Persiga fazer o melhor.Seja fascinado pelo realizar, que o dinheiro virá como conseqüência.Quem pensa só em dinheiro não consegue sequer ser nem um grande bandido, nem um grande canalha.

Napoleão não invadiu a Europa por dinheiro.
Hitler não matou 6 milhões de judeus por dinheiro.
Michelangelo não passou 16 anos pintando a Capela Sistina por dinheiro.
E, geralmente, os que só pensam nele não o ganham. Porque são incapazes de sonhar.
E tudo que fica pronto na vida foi antes construído na alma.

A propósito disso, lembro-me de uma passagem extraordinária que descreve o diálogo entre uma freira americana cuidando de leprosos no Pacífico e um milionário texano.
O milionário, vendo-a tratar daqueles leprosos, disse: "Freira, eu não faria isso por dinheiro nenhum no mundo". E ela responde: "Eu também não, filho".
Não estou fazendo com isso nenhuma apologia à pobreza, muito pelo contrário.Digo apenas que pensar e realizar tem trazido mais fortuna do que pensar em fortuna.

Meu segundo conselho: pense no seu país.
Porque, principalmente hoje, pensar em todos é a melhor maneira de pensar em si. Afinal, é difícil viver numa nação onde a maioria morre de fome e a minoria morre de medo. O caos político gera uma queda de padrão de vida generalizada. Os pobres vivem como bichos e uma elite brega, sem cultura e sem refinamento, não chega a viver como homem. Roubam, mas vivem uma vida digna de Odorico Paraguassu.

Meu terceiro conselho vem diretamente da Bíblia: "Seja quente ou seja frio, não seja morno que eu te vomito".
É exatamente isso que está escrito na carta de Laudicéia: seja quente ou seja frio, não seja morno que eu te vomito. É preferível o erro à omissão; o fracasso, ao tédio; o escândalo, ao vazio. Porque já vi grandes livros e filmes sobre a tristeza, a tragédia, o fracasso. Mas ninguém narra o ócio, a acomodação, o não fazer, o remanso.Colabore com seu biógrafo: faça, erre, tente, falhe, lute. Mas, por favor, não jogue fora, se acomodando, a extraordinária oportunidade de ter vivido.

Tenho consciência que cada homem foi feito para fazer história. Que todo homem é um milagre e traz em si uma evolução. Que é mais do que sexo ou dinheiro. Você foi criado para construir pirâmides e versos, descobrir continentes e mundos, caminhando sempre com um saco de interrogações na mão e uma caixa de possibilidades na outra.

Não use Rider: não dê férias a seus pés. Não se sente e passe a ser analista da vida alheia, espectador do mundo, comentarista do cotidiano, dessas pessoas que vivem a dizer: "Eu não disse? Eu sabia!"

Toda família tem um tio batalhador e bem de vida que, durante o almoço de domingo, tem que agüentar aquele outro tio muito inteligente e fracassado contar tudo o que faria, se fizesse alguma coisa.

Chega dos poetas não publicados. Empresários de mesa de bar. Pessoas que fazem coisas fantásticas toda sexta à noite, todo sábado e domingo, mas que na segunda não sabem concretizar o que falam. Porque não sabem ansiar, não sabem perder a pose, não sabem recomeçar. Porque não sabem trabalhar. Eu digo: trabalhem, trabalhem, trabalhem. Das 8 às 12, das 12 às 8, e mais, se for preciso. Trabalho não mata. Ocupa o tempo. Evita o ócio, que é a morada do demônio, e constrói prodígios.

O Brasil, este país de malandros e espertos, da vantagem em tudo, tem muito que aprender com aqueles trouxas dos japoneses. Porque aqueles trouxas que trabalham de sol a sol construíram, em menos de 50 anos, a 2ª maior megapotência do planeta, enquanto nós, os espertos, construímos uma das maiores impotências do trabalho.

Trabalhe! Muitos de seus colegas dirão que você está perdendo sua vida, porque você vai trabalhar enquanto eles veraneiam. Porque você vai trabalhar, enquanto eles vão ao mesmo bar da semana anterior, conversar as mesmas conversas; mas o tempo, que é mesmo o senhor da razão, vai bendizer o fruto do seu esforço, e só o trabalho lhe leva a conhecer pessoas e mundos que os acomodados não conhecerão.
                                            E isso se chama "sucesso".
(Nizan Guanaes é Publicitário, ex-diretor do site IG e ex-dono da agência DM9 )

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Verdades e mentiras no cotidiano

            Todos somos capazes de sentir  quando nos dizem verdades ou mentiras.Toda palavra proferida traz a intenção do interlocutor.
           Não é necessário  conhecer nenhuma técnica especial para isso.O segredo é sentir mais, que ouvir. Afinal, somos todos  sensíveis e inteligentes.
            Por mais que alguém conheça as técnicas da oratória e as use para ludibriar o outro, o que vale  mesmo é a intenção que há por trás de cada palavra. Em suma, em uma conversa, o que conta, é ouvir com todos os sentidos. Quando paramos e sentimos o que o outro está nos dizendo, identificamos, de pronto,  as intenções que há por trás.
          Há um livro interessante que tem por título, "Eu sei o que você está pensando". Parafraseando o título do livro eu diria, Eu sinto, o que você está falando, então diga a verdade.
          Ademais, mentir tira a autoridade moral para  exigir  do outro, o que quer que  seja.

sábado, 3 de julho de 2010

Carnaval dose dupla.....

                                       
             
 
            Esse ano  nós tivemos parada dose dupla, Carnaval e Copa.
          O Carnaval  a dose é anual, a Copa a dose é de quatro em quatro anos.
         Seria hipocrisia da minha parte se dissesse que não gosto do Carnaval. É claro que  gosto, só do feriadão! Mas não paro para ver, paro para descansar, viajar, ler, rever amigos, etc.
          Como a  Copa só acontece a cada quatro anos, com a  patriotada nacional do verde e amarelo das bandeiras, bandeirolas, bandeirinhas,  e outras "cositas mas",não dá para  viajar, só  torcer para  não ver o Brasil perder ainda mais.
         Hoje  paramos de parar, e começamos a andar novamente, a passos lentos e com saldo devedor; devendo, e ainda com a dor de ter que repor os dias parados. Com tanta paradas, eu faz tempo que já  parei de vez com muitas coisas. 


          Parei de torcer pela Copa, parei de ver novelas, parei com o Carnaval, mas  hoje eu  não parei de pensar que as vedetes do futebol vão voltar, e que cairam das tamancas e foram parar no chão, e vão ter que se levantar para  começar  a jogar um futebol  que valha a pena torcer. Que deixem de tanta tietagem,  pois já tem torcedor  parando de torcer por ver tanta besteira acontecer.

          Quem sabe, com essas e outras, o brasileiro já entendeu, que não vale a pena parar para ver tanto carnaval acontecer.
            O que conta, para nós brasileiros comuns,  é continuar a andar, trabalhar  e torcer para o Brasil dar certo  para o trabalhador que  merece um BRASIL!SI!,SIL!!!!!, brasileiro digno por inteiro e vencedor em todo setor. 
Related Posts with Thumbnails